Requisitos de entrada em Espanha se viajar de fora da UE/EEE

1. Independentemente do seu país de procedência, todos os passageiros que cheguem à Espanha por via aérea ou marítima (ferries), incluídos os que estejam em trânsito e os menores de 12 anos, deverão preencher antes de sua saída um formulário de controle de saúde. Se você vier de avião, pode fazer isso através do site https://www.spth.gob.es/ ou do app Spain Travel Health para dispositivos Android ou iOs. Se você vier de ferry, deve preenchê-lo através do seguinte link: https://spthm.puertos.es/ .

Após a assinatura do formulário, obterá um código QR que deverá apresentar tanto no momento do embarque como à chegada a Espanha. Se for proveniente de um país/território não considerado de risco, obterá um código QR FAST CONTROL que agilizará os trâmites à sua chegada a Espanha.

 

2.1. Se você procede de um país ou território incluído na lista de países com baixa incidência e excluídos da zona de risco, poderá viajar sem a necessidade de teste diagnóstico nem de certificado de vacinação ou de imunidade.

2.2. Se viajar a partir de um território incluído na lista de países/zonas de risco (consulte a lista em vigor aqui) será permitida a entrada de pessoas que viajem em turismo com um certificado de vacinação emitido pelas autoridades competentes do país de origem a partir dos 14 dias posteriores à data de administração da última dose necessária para completar o ciclo de vacinação. As vacinas aceites são as autorizadas pela Agência Europeia do Medicamento ou pela Organização Mundial da Saúde.

Os menores com idade entre os 12 e os 18 anos, tal como os maiores de idade, também devem apresentar este certificado de vacinação (não podem entrar nem com teste de diagnóstico nem com certificado de recuperação), exceto nas situações excecionais que encontrará no mapa de cada país da página inicial. Só os menores de 12 anos é que não têm de apresentar qualquer certificado sanitário.

O certificado de vacinação deverá incluir, pelo menos:

– Nome e apelido do titular.

– Data de vacinação.

– Tipo de vacina administrada.

– Número de doses administradas/plano completo.

– País emissor.

– Identificação do organismo emissor do certificado de vacinação.

Os certificados devem estar redigidos em espanhol, inglês, francês ou alemão ou, se for o caso, traduzidos ao espanhol por um organismo oficial.

 

3. Se viajar por via aérea ou marítima, é levado a cabo um controlo sanitário no primeiro ponto de entrada, que inclui, pelo menos, a medição da temperatura, um controlo documental e um controlo visual sobre o seu estado. Se estiver em trânsito, verifique as normas aplicáveis aqui.

No mapa da página inicial poderá aceder à informação sobre os requisitos específicos necessários para os cidadãos provenientes do Reino Unido.

Através deste mesmo mapa, pode consultar os aspetos particulares das normas de cada país e as exceções para poder viajar para Espanha por motivos diferentes de turismo.